Tendência de make: Pele iluminada e lábios molhados

Neste inverno, arrisque sem medo na luminosidade e no gloss, mas mantenha a discrição

Texto: Redação Manequim

Cores vivas, brilho e glitter, de maneira suave, são apostas para a estação mais fria do ano | <i>Crédito: Divulgação
Cores vivas, brilho e glitter, de maneira suave, são apostas para a estação mais fria do ano | Crédito: Divulgação
As temperaturas estão caindo, e as tendências de maquiagem para o Inverno 2017 já estão definidas. De acordo com especialistas, os próximos meses serão dominados por cores vibrantes, peles mais naturais e pálpebras e lábios cheios de brilho.

Para o maquiador e visagista Pablo Inisio, coordenador do curso de Make Up Design do Centro Europeu de Curitiba, diferente do ano passado, que consagrou os tons opacos e efeitos matte, 2017 será o ano da luminosidade. “Há uma inspiração muito forte nos anos 80, realçando as cores vivas, o brilho e o glitter daquela década, só que de uma maneira mais suave e discreta. A ideia é ousar com cuidado”, detalha o especialista.

Uma das principais apostas para o Inverno é a volta do gloss. O chamado efeito laqueado, que gera uma aparência molhada e vitrificada, está com tudo, não só nos lábios, mas também nas sombras. Para a boca, as cores mais indicadas são as variações de tons terrosos, já nos olhos a tendência é abusar dos verdes, azuis, cor-de-rosa e roxos. “Outra nuance bastante observada nas passarelas das semanas de moda durante o ano, são os delineados bem marcados em formatos mais grossos e ousados, e as sobrancelhas mais minimalistas”, comenta Inisio. 

No rosto, a pele bastante marcada com contorno perde força e dá espaço a um aspecto mais natural, com acabamento acetinado e bem iluminado. “O segredo é usar a base certa. Nas peles mais secas o ideal é buscar a naturalidade com produtos cremosos. Com as peles mais oleosas a indicação é de bases de efeito matte que aliados a característica da pele, manterão o brilho sem extravagâncias”, completa o especialista. 







06/05/2017 - 10:00

Conecte-se

Revista Manequim