Transição capilar: dicas para colocar os fios de volta à textura natural

Hairstylist e terapeuta capilar dá dicas de corte, tratamento e penteados para auxiliar durante a transição

Texto: Redação Manequim

Dicas estratégicas para os fios voltarem ao natural | <i>Crédito: Anastasiia Kazakova/Shutterstock
Dicas estratégicas para os fios voltarem ao natural | Crédito: Anastasiia Kazakova/Shutterstock

 Uma crescente onda de assumir a beleza  natural e deixar de lado os procedimentos que servem para alisar o cabelo só tende a crescer. E com ela, diversas dúvidas surgem sobre esse processo chamado de transição capilar. 

 "A transição capilar nada mais é do que parar de fazer processos agressivos que alisam o cabelo, como escova progressiva e diversos tipos de alisamento químicos para deixar as madeixas voltarem a ter as formas naturais, geralmente crespas ou enroladas", explica o hairstylist Paulo Mazanandê, do Salón Cabelo e Art, no Rio de Janeiro.

Neste processo, o cabelo tende a ter duas texturas: a natural, através da raiz que vai crescendo sem ser alisada e a com química, na qual os fios ainda estão mais lisos. Essa é a parte mais complicada, já que não é nada fácil domar a raiz enrolada. 

Paciência

 "Geralmente, quando o cabelo chega no comprimento perto das orelhas, fazemos um tipo de corte que tira todas as pontas lisas para que o cabelo fique com toda textura natural. É uma opção para quem não quer esperar os fios crescerem ", revela Mazanandê.

 Depois de anos alisando os cabelos, é normal que a mulher não saiba a textura ou qual tipo de cabelo tem, como se é crespo, enrolado, ou ondulado. "O ideal é consultar um cabeleireiro especialista para que ele faça uma avaliação na raiz e aponte qual tratamento e produtos são indicados para manter os fios saudáveis e bonitos neste processo de transição", indica.

Hidratar é o segredo

 Hidratar profundamente os fios e a aprender a lidar com a textura natural dos cabelos são os requisitos básicos para passar pela transição com fios bonitos. Ter paciência para esperar os cabelos crescerem naturalmente, também é indicado. 

 O especialista revela que trabalha os cabelos de suas clientes com um composição com diversos óleos essenciais e minerais que ajudam a reconstruir a fibra capilar, deixando-os macios, fortes e hidratados. 

Apostar em penteados que combinem e valorizem os fios, também pode ser uma boa pedida durante essa transição. “Quem não quer abrir mão do comprimento e prefere deixar os cabelos crescerem sem cortar, pode apostar em penteados como tranças, coques e rabos de cavalo.  E ir alternando entre os dias. Sempre tendo cuidado com o tipo de elástico para não danificar os fios, eles são boas opções para usar e se sentir bonita. Acessórios como lenços, tiaras e mousse para deixar os cabelos mais volumosos também são bons aliados”, finaliza Mazanandê. 

 


25/04/2017 - 13:00

Conecte-se

Revista Manequim