Empresa customiza peças e combate o consumo desenfreado

Transformar peças antigas em dar vida nova às roupas é tendência na indústria da moda

Texto: Redação Manequim

Alguns recursos podem dar cara nova à sua roupa antiga | <i>Crédito: Shutterstock
Alguns recursos podem dar cara nova à sua roupa antiga | Crédito: Shutterstock

Uma das indústrias mais poluentes do mundo, apenas perdendo para o setor petrolífero, a moda tem repensado cada vez mais o seu funcionamento. Com movimentos que já aderem à tendência do reaproveitamento, como o upcycling - em que resíduos ou produtos descartáveis se transformam em um novo item - é cada vez mais comum a diminuição do consumo e a customização de peças já existentes, para dar vida nova àquelas roupas que estão encostadas no armário.

Para deixar isso mais viável, a rede portuguesa Arranjos Express vai fazer uma demonstração durante a feira ABF Expo, no Shopping Center Norte, em São Paulo, entre os dias 21 e 24 de junho. A premissa é sair do básico, como arrumar zíperes e fazer cós de calças, para produzir peças mais arrojadas, transformando um vestido em saia ou uma calça jeans antiga em uma bolsa, por exemplo.

“Nossas lojas trazem uma opção de moda às pessoas, com um serviço capaz de adaptar roupas a qualquer necessidade do cliente, sem que ele precise comprar mais”, diz o CEO Paulo Alexandre. “Esse tipo de visão faz com que a empresa esteja alinhada aos novos hábitos e a coloca na esteira da economia compartilhada e do consumo consciente. Afinal, os clientes não querem consumir mais, querem dar vida nova ao que já têm”, completa. Todas as solicitações são entregues em pouco tempo: barras de calça são feitas em até uma hora e os demais serviços, em até 72 horas.

 

 

15/06/2017 - 11:00

Conecte-se

Revista Manequim