Marmita fashion: aprenda a fazer uma lunch bag

Levar seu lanche de um compromisso ao outro nunca esteve tão na moda. Quem ensina a fazer esta lunch bag estilosa (e fácil) é a artesã Valéria Pinelli, do ateliê Costurinhas sem Fronteiras

Texto: Marcela Rodrigues

Marmita fashion | <i>Crédito: Paulo Santos
Marmita fashion | Crédito: Paulo Santos
Material 
• 30 cm de jeans 
• 30 cm de manta resinada R1 
• 30 cm de manta térmica etaflon de 2 mm 
• 2,5 m de viés pronto de 3,5 cm de largura 
• 30 cm de alça de algodão 
• Botões de pressão 
• Giz de alfaiate ou caneta fantasma 
• Prendedores de papel 
• Balancim e matriz para aplicar os botões

Como fazer 
Corte e passe - Corte o tecido, a manta R1 e o etaflon nas seguintes medidas: corpo (1 x) em 20 x 70 cm, arredondando uma das extremidades. E a lateral (2 x) em 20 x 12 cm. Com o ferro de passar, fixe o tecido do corpo e das laterais na manta R1. 

Monte - Faça um quilt livre ou reto para estabilizar o tecido na manta R1. Prenda as partes já quiltadas no etaflon (lado aluminizado para cima), com ponto zigue-zague ou reto, por toda a volta do corpo e das laterais.

Costure - A 12,5 cm da borda arredondada do corpo, prenda a alça pelo lado direito. Reforce fazendo uma costura em X. A partir da borda reta, meça 20 cm. Com a caneta, trace uma linha de um lado ao outro. Passe uma costura e, a partir dela, meça 12 cm e trace outra linha paralela. Passe outra costura para delimitar o fundo da bolsa.

Feche - Entre as duas costuras, prenda a base das laterais (lado de 12 cm), deixando 1 cm de cada lado sem costurar. Utilize os prendedores de papel para auxiliar. Feche as laterais. Costure devagar, pois serão várias camadas. Utilize um ponto largo para evitar que o etaflon se rompa. 

Reforce - Com a peça montada, aplique o viés por toda a volta da peça. Faça o acabamento com ponto invisível. Aplique os botões de pressão. Para reforçar o fundo, corte e forre um papelão com etaflon na medida dele.

Dica: a temperatura da bolsa se mantém por aproximadamente 1h30. Use-a para transportar o alimento e, quando chegar ao seu destino, se possível, leve-o à geladeira.

23/01/2017 - 09:51

Conecte-se

Revista Manequim